agriFM

Selecione uma foto do seu computador ou arraste-a aqui. Tamanho recomendado 500px x 500px

Editar Canal



Thumb
Faça upload da imagem do seu podcast. Tamanho recomendado de 500 por 500 pixels.


SuínoProsa

Canal SuínoProsa

Seguir Seguir

Discutindo medidas para a cadeia suinícola em 2022

Discutindo medidas para a cadeia suinícola em 2022 O mercado externo se manteve firme no consumo de carne suína no ano de 2021, confirmando o que o setor produtivo já vinha especulando. Tal fato resultou em um novo recorde na exportação desta proteína brasileira. No entanto, em território nacional, mesmo com o aumento no consumo de carne, o desempenho não atingiu os índices desejados por agentes do setor. Com o baixo poder de compra da população brasileira, as vendas de carne suína no mercado doméstico tiveram forte volatilidade ao longo de 2021. Ainda que o mercado sinalize aumento no consumo, na maior parte do ano, as vendas estiveram desaquecidas e abaixo do esperado pelo setor, segundo agentes consultados pelo Cepea, fator que, somado ao aumento do número de animais abatidos, pressionou as cotações do suíno vivo, dos cortes e das carcaças. Os valores do suíno vivo registraram forte queda no mês de janeiro, devido à combinação de maior oferta de animais e de carne suína e de demanda enfraquecida pela proteína. Assim, conforme indicam dados do Cepea, os preços estão no menor patamar real desde agosto de 2018 na maioria das regiões. Quanto aos principais insumos utilizados na atividade, milho e farelo de soja, os valores têm tido alta expressiva em janeiro, devido à combinação de baixa disponibilidade e procura elevada. E para esclarecer esse cenário nebuloso, reunimos líderes governamentais e do setor para discutir medidas para reverter esse cenário da suinocultura nacional em 2022. Discutindo medidas para a cadeia suinícola em 2022

Relacionados com Suínocultura

1
1
12

Compartilhar este podcast

Facebook Twitter LinkedIn Email
Avatar
Criar a minha conta